Mural

Blog dos correspondentes comunitários da Grande SP

 -

Blog é escrito por correspondentes comunitários --em sua maioria estudantes ou já formados em jornalismo, mas, sobretudo, interessados em contar o que se passa na região em que moram, na periferia da Grande SP.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

A vida se repete na estação

Por Blog

Por Bia Souza, Daniela Araujo, Jéssica Moreira, Karol Coelho, Leonardo Brito, Marina Lopes e Rafael Balago

“Todos os dias é um vai-e-vem, a vida se repete na estação”. Essa foi a música utilizada no ano passado pelo governo do Estado de São Paulo nas propagandas sobre a expansão do metrô.

Ótima escolha, pois a vida dos paulistanos continua mesmo se repetindo nas diversas estações da cidade. Milhares são as pessoas que chegam atrasadas a seus destinos por conta dos problemas nos trens. Centenas são os que não conseguem se sentar, mesmo depois de um dia inteiro de trabalho.

A vida continua se repetindo para mim e tantos cidadãos. A vida é sempre um pouco mais dura que os comerciais do governo.

Acordo bem cedo. É mais um dia de trabalho, mais um dia de transporte público caótico. Só de pensar que a plataforma da estação de metrô já está lotada, quero ir de carro para evitar tanto estresse, mas, então, me lembro que a avenida está travada com trânsito intenso. Me questiono: para onde correr então?

Trem do metrô da linha 4-vermelha

Desculpe, por favor e obrigado são palavras que não existem no vocabulário de quem anda de metrô. Certa vez, na estação, uma jovem, parada atrás de mim na porta de entrada, ávida por conseguir um lugar para se sentar, me segurou pela mochila e pelos cabelos e, não satisfeita, me jogou para cima de um rapaz. Se ela pediu desculpas? Sentou-se, sentindo o sabor da vitória com seus fones de ouvido, enquanto eu imaginava se era só para mim que tudo aquilo parecia muito absurdo.

Sinto-me sufocado com a quantidade de pessoas ao meu redor. Seguro no teto para não cair, mas meus braços começam a doer. Tento abaixá-los lentamente, mas não encontro espaço.  Conto os segundos para chegar ao meu destino e ter a sensação de liberdade.

Porém, um aviso interrompe meus pensamentos: “devido à falha na estação, os trens estão circulando com velocidade reduzida e maior tempo de parada”. Rapidamente, tento olhar no relógio da pessoa ao meu lado. As horas passam rápido demais quando comparadas à velocidade que estamos seguindo viagem.

Trem da CPTM chega à estação Brás

Os novos trens comprados tanto na CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) quanto no Metrô têm cada vez menos bancos. Li uma vez que a ideia era aumentar a capacidade de transporte, já que, com isso, é possível levar mais gente no mesmo vagão.

No espaço de um assento cabem duas pessoas em pé (ou mais, dependendo da situação). Mas serão duas pessoas viajando apertadas. Essa medida acaba acirrando ainda mais a disputa insana por lugares quando o trem vazio abre as portas na primeira estação da linha.

No sábado, fui fazer um trabalho da faculdade e, no retorno para casa, chegando à última estação, me levantei para aguardar as portas se abrirem. Um senhor dizia, ainda sentado, para eu não sair do lugar. “Se eu fosse você sairia daí”, alertou.

Cansado e sonolento, permaneci ali. Foi quando me deparei com um bando de gente empurrando quem via pela frente, só para conseguir sentar. Comecei a gritar igual a um louco. “Vocês não podem esperar a gente sair? O que é isso? Seus filhos da p…”. Perdi por alguns segundos toda a educação que minha mãe me deu.

 

Bia Souza, 22, é correspondente da Bela Vista.
@BiaNaso
biasouza.mural@gmail.com

Daniela Araujo, 25, é correspondente de Interlagos.
@danidollskt_
danielaaraujo.mural@gmail.com

Jéssica Moreira, 20, é correspondente de Perus.
@gegis00
jessicamoreira.mural@gmail.com

Karol Coelho, 20, é correspondente do Campo Limpo.
@karolcoelho_
karol.mural@gmail.com

Leonardo Brito, 25, é correspondente do Jardim Monte Azul.
@leonardo_bbrito
leonardobrito.mural@gmail.com

Marina Lopes, 20, é correspondente da Penha
@mah_lopesss
marinalopes.mural@gmail.com

Rafael Balago, 23, é correspondente de Pirituba
@rafaellbalago
rafaelbalago.mural@gmail.com

Blogs da Folha