Mural

Blog dos correspondentes comunitários da Grande SP

 -

Blog é escrito por correspondentes comunitários --em sua maioria estudantes ou já formados em jornalismo, mas, sobretudo, interessados em contar o que se passa na região em que moram, na periferia da Grande SP.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Diário de um emergente

Por Blog

1. Se eu tivesse seguido todas as dicas do Dráuzio Varella, talvez não precisasse tomar 14 comprimidos por dia para minha doença no intestino. Se eu não fosse doente, não precisaria pagar um trem lotado para chegar ao Hospital das Clínicas às 7h.

2. Se minha mãe não tivesse trabalhado por 35 anos como caixa de uma loja de tênis; se eu não tivesse comido água com farinha como merenda em uma creche pública de Guaianases nos tempos em que o Maluf era prefeito; se achasse que sou uma vítima, talvez hoje eu não fosse jornalista.

3. Meu amigo Marcos morreu com um tiro calibre 12 no meio do peito. Dois dias antes, ele me pediu R$ 2 no ponto de ônibus para comprar crack; se eu tivesse dado, talvez ele não tivesse morrido. Ou talvez tivesse morrido antes.

4. Se eu não tivesse adorado ler Sergio Vaz, João Antônio e Roberto Bolaño;  se eu realmente achasse que falo errado, que todas essas pessoas que estão aqui, neste trem, não respeitam nem a porcaria da gramática, não teria feito vestibular para letras.

5. Se não tivesse aguentado por cinco horas em uma fila do SUS; se o médico não tivesse me examinado por exatos 50 segundos; se além da minha doença no intestino, eu não tivesse pedra no rim, talvez eu fosse um pouco mais feliz.

6. Meu amigo Marcos morreu com um tiro calibre 12 no meio do peito e nunca se soube o autor porque nunca quiseram saber.

7. Se eu não fosse agora um exemplo e também rotulado como um rapaz da classe C, que ascendeu dos pobres, que é formado em jornalismo com bolsa do Prouni e estudante de federal, que compra geladeira e celular, que agora tem TV paga e acha todo esse blablablá uma merda, ninguém iria me convidar para falar sobre isso e eu não precisaria escrever este texto.

8. Se eu não estivesse aqui sentado, engolindo minha raiva e um dos meus comprimidos, estaria ao lado daquele senhor que agora esmurra uma porta para sair do sufoco de um trem que não anda há 30 minutos.

Leandro Machado, 23, é correspondente de Ferraz de Vanconcelos.
@machadoleandro
lmachado.mural@gmail.com

Blogs da Folha