Moradores da Vila Nova Cachoeirinha discutem problemas de segurança

Por Blog

Casos de violência, consumo de drogas e perturbação por barulho são alguns dos temas recorrentes nas reuniões do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) da Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte de São Paulo.

Abertos a todo e qualquer cidadão, os encontros do Conseg reúnem moradores e representantes da Guarda Civil Metropolitana e Polícia Militar, subprefeitura e outras instituições, como a Companhia de Saneamento Básico (Sabesp) e a Companhia de Engenharia e Tráfego (CET).

Com o objetivo de garantir soluções para maior proteção, o órgão, criado em 1985, hoje é composto por 784 conselhos, abrangendo 522 municípios. Só na capital paulista, são 84.

Moradores de Vila Nova Cachoeirinha em reunião do Conseg (Foto: Eligêngela Pedroso)
Moradores de Vila Nova Cachoeirinha em reunião do Conseg (Foto: Eligêngela Pedroso)

O Conseg Cachoeirinha, há dois anos presidido pela Dona Lourdes Pedroso de Freitas, 54, atende a Vila Amália, Pedra Branca, Jardim Peri, uma parte do Jardim Antártica e Imirim, bairros sob jurisdição do 38º Distrito Policial e das subprefeituras da Casa Verde e Tucuruvi.

“Ao tomar nota das reivindicações, o Conseg faz um ofício que é encaminhado aos órgãos de segurança responsáveis. Nas reuniões seguintes, trazemos as respostas e providências sobre os problemas apresentados”, explica Lourdes.

Moradora do Jardim Peri, a presidente faz seu trabalho de forma voluntária, assim como todos os membros, conforme a regulamentação. O esforço é válido, diz ela, pois as reinvindicações ajudam as polícias a conhecer a realidade de cada bairro e o que preocupa os moradores.

 “Falo sempre para que as pessoas ajudem a polícia a resolver os problemas de segurança de sua região vindo às reuniões. Não é preciso ter medo, porque tudo é tratado com muito sigilo e é possível fazer denúncias anônimas”, ressalta.

Frequentador assíduo dos encontros, o morador do Jardim Consolata, Paulo Cesar Costa, 65, que coordena a Associação para o Desenvolvimento da Vila Nova Cachoeirinha e Entorno, diz acreditar que o conselho ajuda as pessoas a se sentirem mais protegidas.

“Grande parte das reivindicações que trazemos são atendidas, a não ser quando precisam de aprovação da prefeitura ou passar pela Câmara Municipal para virar lei”.

Guarda Municipal Metropolitana foi homenageada pelo Conseg na Vila Nova Cachoeirinha (Foto: Elisângela Pedroso)
Guarda Municipal Metropolitana foi homenageada pelo Conseg na Vila Nova Cachoeirinha (Foto: Elisângela Pedroso)

Os encontros do Conseg Cachoeirinha ocorrem toda última segunda-feira do mês, a partir das 20h, no quarto andar do Santana Parque Shopping (Rua Conselheiro Moreira de Barros, 2780). O próximo será dia 31.

Cidadãos de outras regiões podem acessar o site do órgão para informações sobre o conselho de cada bairro.

João Paulo Brito, 25, é correspondente da Vila Nova Cachoeirinha
@JoaoP_Brito
joaopaulobrito.mural@gmail.com