Mural

Blog dos correspondentes comunitários da Grande SP

 -

Blog é escrito por correspondentes comunitários --em sua maioria estudantes ou já formados em jornalismo, mas, sobretudo, interessados em contar o que se passa na região em que moram, na periferia da Grande SP.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

Ruas de Itaquera foram decoradas às vésperas da Copa

Por Blog

A menos de uma semana, quem circulava pelas vilas de Itaquera, na zona leste de São Paulo, não enxergava a paixão brasileira pelo futebol. Mesmo prestes a receber o campeonato mundial em casa, os moradores da região só se animaram no último fim de semana, faltando quatro dias para a abertura da Copa.

Ainda que mais animados, moradores dizem acreditar que a empolgação da Copa foi afagada por conta dos recentes protestos, estádios e eleições.

“As pessoas estão mais críticas e insatisfeitas com a administração pública, os gastos excessivos com estádios e também os candidatos que agora ficam nos pedindo votos”, diz o aposentado Antônio Escobar, 67, morador do A. E. Carvalho.

“Está na cara que é por isso que ninguém se empolga. Aqui na rua estamos pedindo mais ou menos R$ 10,00 para ajudar na pintura, mas dá para sentir que não é mais como antes”, diz o estudante Caio Buzunas, 17, morador da Vila Campanella .

X

No Conjunto Habitacional José Bonifácio, a estreita e pouco movimentada rua Bárbara Leoni está animada. Além da decoração de bandeirinhas e pinturas no chão, o Amigo do Bar São Jorge será um dos pontos de encontro para a Copa. Pequeno, o bar não chega a abrigar nem dez pessoas, mas a TV é posicionada de frente para rua e todos conseguem assistir.

Na casa da aposentada Dulce de Souza, 71, na Vila Regina, a torcida também está empolgada, mas é totalmente familiar. A decoração foi posta do portão para dentro. “O pessoal da rua não se animou, então decoramos só aqui dentro, para nós mesmos. Temos faixas e bandeiras do Brasil e vamos torcer nos fundos da casa, com uma TV grande, cadeiras e churrasco”, conta ela.

DESENHOS ANTI-COPA

A vontade de expressar críticas contrárias à Copa também foi notada durante os últimos dias. Em alguns pontos do bairro, desenhos e grafites anti-copa foram pintados seguidos de frases que censuravam o campeonato. Alguns, por exemplo, estão na avenida Radial Leste, há cerca de500 metros do estádio. Os donos das obras não acreditam que o desenho permaneça.

Em abril, um grupo de 18 grafiteiros, com seus próprios materiais, pintou os muros de outro trecho da mesma via, com autorização e apoio da Subprefeitura de Itaquera. Mas, depois de uma semana, a subprefeitura apagou todos os trabalhos dos artistas.

Para eles, a medida foi tomada porque alguns desenhos faziam crítica ao torneio de futebol. Entretanto, o órgão diz que a empresa responsável por serviços de manutenção e limpeza do bairro poderia ter apagado os desenhos por engano.

 

Renata Asp, 23, é correspondente de Itaquera
@renataasp_
renataasp.mural@gmail.com

Vander Ramos, 54, é correspondente do Itaim Paulista
@vander521
vander.mural@gmail.com

Blogs da Folha