Mural

Blog dos correspondentes comunitários da Grande SP

 -

Blog é escrito por correspondentes comunitários --em sua maioria estudantes ou já formados em jornalismo, mas, sobretudo, interessados em contar o que se passa na região em que moram, na periferia da Grande SP.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Candidato usa triciclo e alegoria para fazer campanha em Osasco

Por Blog

Tarde de domingo e as ruas do jardim Turíbio, zona sul de Osasco, escutam o som de Bob Marley vindo de um imenso triciclo, o qual puxa uma alegoria de helicóptero. Sons de Raul Seixas e rock nacional também tocam no trajeto.

A cena inusitada já se tornou comum na cidade desde as últimas eleições. Com músicas que vão do cantor jamaicano ao rock nacional, o veículo é dirigido pelo candidato a deputado federal Olair Prado de Oliveira ou, como é conhecido, o Maluco Beleza (PHS).

Com o mote ‘Quem sabe um maluco resolve’, o político foi eleito vereador em 2012, com quase 6 mil votos, e participa de sua quinta disputa. “Quem não tem dinheiro tem que ter criatividade”, afirma.

Com esse formato de campanha, ele tenta fazer frente às estruturas dos principais nomes do município, como Valmir Prascidelli (PT), vice do prefeito Jorge Lapas (PT), e Bruna Furlan (PSDB), deputada federal da vizinha Barueri, que disputa a reeleição. A região oeste da Grande São Paulo tem em torno de 40 postulantes à Câmara.

A ideia de usar o triciclo surgiu graças a ex-vereadora osasquense Maria Coluna, que circulava com um trenzinho para chamar a atenção das pessoas. “Mas não poderia usar o trenzinho, porque sempre foi a marca dela”, conta.

Candidato em campanha pelas ruas de Osasco (Foto: Divulgação)
Candidato em campanha pelas ruas de Osasco (Foto: Divulgação)

 

“[A campanha] é diferenciada porque não gasta tanto, leva criatividade, em vez de estar sujando com tantas placas”, diz. “Tem candidato gastando R$ 1 milhão em materiais, placas, gente, perua. Se tivesse R$ 1 milhão não saia candidato não”, reforça.

Morador do jardim Veloso há 49 anos, bairro na periferia da zona sul da cidade, o legislador avalia que o fato de dirigir o veículo facilita o contato com o eleitor. Além de moradores da região, seu eleitorado também é composto por motociclistas.

Seu apelido surgiu por conta do Moto Clube Maluco Beleza, do qual é fundador, além da referência ao cantor Raul Seixas. “Temos representantes de advogado, médico, policial, e o Tiririca (PR) representa os artistas. Por que não ter um representante para motociclistas?”, questiona.

O vereador entrou na política há 12 anos. Antes, atuou no ramo das confecções. Em 2004, recebeu  convite do PSC para disputar à Câmara Municipal. Conseguiu pouco mais de 2 mil votos e decidiu continuar. Quatro anos depois, já pelo Partido Humanista da Solidariedade, foram 3,7 mil sufrágios e, em 2010, quase 13 mil, quando concorreu pela primeira vez a Câmara Federal.

Apesar de estar no meio do primeiro mandato, Maluco não vê problemas em já buscar outro cargo e diz ter recebido o convite do partido. Outros oito vereadores da cidade também são candidatos à Câmara e à Assembleia Legislativa. “A gente tem sempre que crescer. Se você entra numa empresa e te dão uma oportunidade, você diz ‘ah não vou crescer’. Então não merece nem estar ali”, enfatiza.

Na eleição deste ano, políticos do município buscam conquistar os votos deixados por João Paulo Cunha (PT), ex-deputado federal osasquense, que cumpre pena no semiaberto pelo crime do mensalão. “Quem sabe sobram alguns para o Maluco Beleza”, avalia.

O jeito descontraído da campanha muda dentro do legislativo municipal, apesar dele manter a jaqueta e a bandana no plenário. Ele considera que os requerimentos passados à prefeitura com pedidos de serviços mostram o seu trabalho. Por enquanto, teve um projeto sancionado, que cria o ‘Teste do Coraçãozinho’ em recém-nascidos, e outros vetados, como a criação de um crematório municipal.

Contudo, sobre o que fazer em Brasília, o vereador argumenta que primeiro precisaria entrar para depois estudar o que seria necessário, mas com o foco nas cidades de Osasco e Carapicuíba. “Não adianta falar que têm vários projetos. Entrando a gente vai ver o que a cidade precisa e trabalhar para isso”.

Maluco Beleza compõe a base do prefeito, mas não descarta novos passos. “Se ganhar para federal, o próximo passo seria prefeito. Se me derem oportunidade, claro que vou aceitar”, conclui.

Paulo Talarico, 24, é correspondente de Osasco
@PauloTalarico
paulotalarico.mural@gmail.com

SAIBA MAIS:

– Mural quer saber se seu bairro tem propaganda irregular ou em excesso

– Propaganda eleitoral prejudica pedestres na Grande São Paulo

– ‘Família Hot Dog’ se divide entre Dilma e Marina

Blogs da Folha