Evento em Itaquera reúne produções de mulheres negras

Por Blog

No sábado (26), um evento gratuito em Itaquera reúne vários exemplos de arte produzida por mulheres negras da periferia.

O evento “Mulheres Pretas: Arte, Cultura e Resistência na Quebrada” terá shows do grupo de rap A’s Trinca, formado por moradoras da Cidade Tiradentes, de Lei di Dai, considerada a rainha do raggamuffin (ritmo que mistura música eletrônica e reaggae) brasileiro e do Samba Delas e discotecagem de Miria Alves.

Integrantes do grupo de rap A’s Trinca, formado por moradoras da Cidade Tiradentes, na zona leste de São Paulo. (Divulgação)
Integrantes do grupo de rap A’s Trinca, formado por moradoras da Cidade Tiradentes, na zona leste de São Paulo (Divulgação)

Também haverá debate sobre as dores e as alegrias da produção artística das mulheres negras, exibição da websérie “Empoderadas”, dirigida por Renata Martins, e a exposição “Quem somos [por nós]”, produzida pelo coletivo Nós, Mulheres da Periferia, que também organiza o evento.

Além disso, haverá barracas com comidas e bebidas, artesanato, venda de livros e atrações recreativas para as crianças.

A atividade faz parte do Projeto Ações Integradas, fruto da parceria entre a União Popular de Mulheres do Campo Limpo e Adjacências, a Prefeitura de São Paulo por meio da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, e o Ministério do Trabalho através da Secretaria Nacional de Economia Solidária.

Programação:

10h – Roda de conversa com jovens dos Centros da Juventude

14h – DJ Miriam Alves

15h – Lei di Dai

16h – Roda de conversa – Mulheres negras: dificuldades e alegrias em fazer arte – relatos de artistas

17h – DJ Miriam Alves

18h – Samba Delas

19h – A’s Trinca

20h30 – Batekoo

Av. Professor João Batista Conti, 1.245, Itaquera, região leste, s/tel. Sáb. (26): 14h às 22h. Livre. Grátis.

 

Priscila Pacheco, 28, é correspondente do Grajaú
priscilapacheco.mural@gmail.com

Dica publicada no Guia Folha de 25/11/16.