Grafiteiros do Itaim Paulista fazem exposição dentro da prefeitura regional

Por Blog

Cerca de 27 quadros pintados por artistas grafiteiros estão expostos no saguão principal da sede da Prefeitura Regional do Itaim Paulista, bairro da zona leste de São Paulo. A ação ocorre meses depois da prefeitura ter entrado em atrito contra artistas ao apagar obras na região central da cidade e aponta um contraponto na região.

A  primeira “Expo DezArte” vai até o dia 18 de agosto e tem como objetivo mostrar a arte dos artistas moradores da zona leste e que fazem sucesso em várias partes da cidade e em outros continentes.

É o caso do grafiteiro Eduardo César Barreto, 35, conhecido como Xyrox,  que em setembro de 2016 pintou muros na cidade de Berlim, na Alemanha,  além de conhecer o trabalho do grafite na Europa.

Xyrox, Galo, Ignoto, Nando, Sprart, Mac, Decor, Dumeem, Cleber TTC e Davi QDT são os nomes de dez grafiteiros que dão nome a exposição.

Apesar da abertura, eles fazem a ressalva de que a pintura em tela é diferente do grafite.  “Quando entra no quadro deixa de ser grafite, a essência do grafite está nas paredes e nas ruas que é a ideia da demarcação. Já no quadro é artes plásticas, um outro elemento e vira uma pintura decorativa”, afirma Xyrox.

X

No início do ano a Prefeitura de São Paulo promoveu um apagão nos grafites da avenida 23 de Maio. De lá para cá muitas discussões foram promovidas, mas o diálogo com o poder público municipal tem variado em cada região, como no Itaim Paulista. A ideia é que a ação sirva de exemplo para outras prefeituras regionais.

“Vejo nesta exposição uma forma de buscar mais respeito e reconhecimento pelo que fazemos, uma maneira de mostrar que a cidade fica muito mais linda sem o cinza caótico”, afirma Vauiris Pereira, 37, conhecido com Vauiris Sprart , curador da exposição.

“Se os órgãos competentes procurassem somar com os grafiteiros e artistas em geral conseguiriam muito mais que um tiro saído pela culatra”, ressalta.

A proposta de estender um braço de apoio aos grafiteiros veio da própria Prefeitura Regional por meio da supervisora de cultura Adriana Maria da Silva, 43, junto com Vauiris que articulou com os demais grafiteiros . “O grafite reflete a realidade das ruas e, como manifestação cultural, está ligada diretamente a vários movimentos, fazendo dela uma arte universal”,  comenta Adriana.

Para o mecânico Juarez Gustavo, 45, “toda repartição pública deveria ter exposição de quadros pintados ou esculpidos por artistas da região. A do Itaim sai na frente.”

A estudante Leonora Justino, 24, lembra do episódio quando a Prefeitura apagou os grafites na região central. “O [prefeito João] Doria pode até não gostar e apagar tudo, mas vendo pinturas como estas dentro da Prefeitura Regional nos dá uma luz que ele [o Doria] não é unânime. Existe um caminho para se apoiar. Que tal outros órgãos seguir este exemplo em cada região?”

Para a colombiana, Maria Heitosa, 34, o quadro que mais chamou atenção foi o rosto de uma jovem de olhos verdes, pintada por Nando, e  que lembra a foto da afegã Sharbat Gula publicada em 1985 pela revista National Geographic registrada pelo fotógrafo Steve McCurry.

SERVIÇO: 1ª Expo Dezarte do Itaim Paulista. Prefeitura Regional Itaim Paulista. Av. Marechal Tito, 3.012, Itaim Paulista. Seg. a sex.: 8h às 17h. Até 18/8. Grátis.

Vander Ramos é correspondente do Itaim Paulista