​Com vereadores presos, Osasco vive protestos contra a atual e a futura gestão

Na última semana, um grupo de funcionários e ex-servidores da prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo, foram para a Câmara Municipal com cartazes para protestar sobre o atraso de rescisões, a demissão de funcionários e o cancelamento das férias pela atual gestão da prefeitura, comandada por Jorge Lapas (PDT), derrotado na eleição deste ano.

Porém, o que encontraram foi um plenário vazio com apenas seis vereadores que não haviam sido presos pela Operação Caça-Fantasmas.

Em paralelo, na próxima sexta-feira, uma outra manifestação foi convocada nas redes sociais, desta vez, contra a corrupção, por conta da ação judicial que levou ao pedido de prisão também do prefeito eleito Rogério Lins (PTN), atualmente foragido.

A denúncia apresentada contra parlamentares de 11 partidos, da base e da oposição,​ aponta um esquema com funcionários fantasmas desde 2009.

Dos 21 vereadores da Câmara, apenas sete não foram presos (Paulo Talarico/Folhapress)
Dos 21 vereadores da Câmara, apenas sete não foram presos (Paulo Talarico/Folhapress)

Com a prisão de um terço da Câmara, a situação indefinida do futuro prefeito e a falta de resposta do atual, os servidores não sabem a quem recorrer.

“Não se sabe o que vai acontecer, só vamos ter um posicionamento ​em 1º de janeiro quando alguém assumir. E não sabemos​ se vão pagar. Tem caixa​? Ficamos sem um norte”, afirma Antonio Ferreira Moura, 52, que era agente de trânsito, mas foi desligado após a prefeitura acatar uma outra decisão da Justiça.

O Ministério Público questionou a forma​ com​ que foi feito um processo seletivo de 82 agentes e apenas 12 efetivos permaneceram. Os funcionários afirmam entender a decisão, mas reclamam que não há previsão sobre os pagamentos dos dias em que trabalharam.

“Mandar embora sem pagar é fácil”, ressalta Moura. “Sem receber rescisão, pagamento​,​ nem nada. O RH não dá satisfação para a gente, fala que não tem previsão, e as contas seguem chegando. Tenho dois filhos para criar, como é que a gente fica?”, completa Renato Fineto, 44, também demitido.

Procurada, a prefeitura não retornou até a publicação deste texto.

O problema atinge também outras áreas da prefeitura e os servidores emitiram uma nota de repúdio. Com a justificativa da crise econômica, a administraç​ã​o​ determinou o cancelamento de quem tinha férias programadas para o fim de ano, encerrou processos seletivos e ainda há, segundo o ​sindicato da categoria, atraso no mês de novembro de outros benefícios e em rescisões.

Vista da rua Antonio Agu; moradores articulam protesto contra a corrupção (Foto: Paulo Talarico/Folhapress)
Vista da rua Antonio Agu; moradores articulam protesto contra a corrupção (Paulo Talarico/Folhapress)

“Repudiamos a forma autoritária e antidemocrática das medidas tomadas pelo prefeito, ressaltando o desrespeito aos preceitos fundamentais que regem as leis municipais quanto ao direito dos servidores”, diz nota do Sintrasp (Sindicato dos Trabalhadores em Serviços Públicos de Osasco).

Sem resposta do atual prefeito e com o futuro ainda foragido, as dúvidas seguem.

Na próxima sexta-feira (16), movimentos nas redes sociais articulam o  protesto “Chega de Corrupção em Osasco”, em frente a estação Osasco da CPTM. ​

​”Nós cidadãos de Osasco estamos cansados dessa palhaçada! É hora de nos reunirmos e manifestarmos contra toda essa corrupção. Essa 1° Manifestação será um alerta aos vereadores e quem assumir a prefeitura que em 2017 será diferente​”, diz o chamado. ​

Paulo Talarico, 26, é correspondente de Osasco
paulotalarico.mural@gmail.com​

 

Leia também:

Hot-dogs ‘crescem’ de tamanho quando a noite chega em Osasco
Bairro da final do Paulistão ainda espera fim das enchentes em Osasco

 

Comentários

  1. Tudo isso que estamos vendo, é a falta de respeito com o povo de Osasco, estes politicos não merecem nosso voto.
    Sem contar aquela coisa que o atual prefeito fez na frente da prefeitura que não sei para que serve, acho que ele tinha vontade de subir na rampa do planalto e fez uma em nossa cidade.

    1. Você está errado, Edison. Quem está faltando com o respeito com Osasco é esse povo burro que elege qualquer um.
      Valdomiro Ventura está na política há quanto tempo???? E o Rogério Lins que é da corja do João Paulo? Hoje, em Osasco, se gritar pega ladrão não fica nem um no lugar.

  2. Se todos dizem que vivemos em uma democracia, então somos responsáveis pelos administradores que elegemos. Muitos dos corruptos de Osasco, estão exercendo cargos publicos, eleitos pelo povo, e muitos deles foram reeleitos.

  3. Antes do “lapas” sair é bom verificar as inadimplências…vai ficar um rombo para os munícipes. Ele merece pelo menos uma surra.

  4. Lamentável o comportamento do povo brasileiro, tem tanta ousadia e coragem para protestar contra pessoas, não contra a política das pessoas, manipulado por uma mídia interesseira e parcial, regido por um sistema de Justiça também parcial e cujos interesses ocultos passam despercebidos, trocam seis por meia dúzia com facilidade, cria cobras para que o mordam, acredita em falsos honestos, enquanto isso não chegaremos a lugar algum, a não ser no fundo do poço, para onde estamos indo.

  5. Moro aqui há 60 anos. Nunca foi diferente, só que agora pegaram a quadrilha. Há verdadeiras dinastias de famílias de políticos, dezenas delas, que se encheram de dinheiro suficiente para 10 gerações com sobras. Há favelas pra todo lado, invasões diárias e os prefeitos são covardes para atuar, imcompetentes e com secretariado preguiçoso. Há lixo pra todo lado, a cidade é um caos e nunca apareceu um desnecessário vereador para dar a cara a tapa.

  6. Não sou de Osasco,mas moro aqui à 14 anos e amo essa cidade como se fosse minha…e passou da hora de todos se unirmos pra mudar essa história … já temos nomes que não poderão fazer mais parte da política de Osasco….guardem e na próxima eleição não podemos aceitar esses lixos na prefeitura…vamos tirar as laranjas podres se não acaba apodrecendo o resto, isso se já não estão contaminados… chega!!!

  7. Isso que é engraçado ainda tem gente que bota fé nos políticos sem saber oq tem por traz isso é revoltante para nois brasileiros acho que nossa política tinha que ser mais severas com esse políticos enquanto nois brasileiros ficamos aí a deus dará …. deveríamos rever os conceitos dessas leis pós eles tiram proveito de muita coisa enquanto os pais de família ganha um salário mínimo isso quando tem emprego

  8. Nossa que vergonha para a nossa cidade isso é um absurdo esses vereadores está fazendo com o nosso povo 21 milhões desviados para o bolso deles.

    1. Fora todos eles e caras novas na Câmara municipal.
      O judiciário está de parabéns em ter enquadrado esses pilantras safados.

  9. Quem assume a prefeitura em2017 sendo prefeito eleito foragido e nos escândalos não sendo empossado assim a vice não poderá assumir?

Comments are closed.